Perigo de vida

Quando saem aquelas notícias de acidentes de autocarro consequência de motoristas que adormecem no volante, penso sempre que puderia ter acontecido comigo. As leis vão mudando, mas o dinheiro fala mais alto e consegue-se sempre escapar a leis de descanso, de dias de folga, de paragens obrigatórias, de horas, de respeito por um horário normal. Entrar num autocarro e saber que o motorista está a conduzir há 30 horas sem dormir é assustador. Hoje senti que devia escrever este alerta. Os Guias deviam na verdade juntar-se a esta luta dos motoristas, porque além do respeito pela pessoa que conduz, ele é responsável pela vida de todas as pessoas que ali estão dentro. Já fiz uns quantos percursos de autocarro, em que o motorista pediu-me para que falasse o tempo todo com ele, de modo a mantê-lo acordado. Acreditem que nesses momentos vou a imaginar como é que conseguiria saltar para o volante e chegar aos pedais, caso ele adormecesse. Isto é um assunto sério. Obviamente há empresas sérias com as quais não tenho receio algum de trabalhar, mas outras... e não estou só a falar de casos nacionais. Porque lá fora, infelizmente, é igual!

You Might Also Like: