A céu aberto

Lisboa tem provavelmente um dos venues mais lindos do Mundo: o Convento do Carmo.

Ali, a céu aberto, naquele convento do séc. XIV que ruiu com o terremoto de 1755 e que ficou assim, aberto, para o céu, como a lembrar uma ferida que nos alerta que somos frágeis, que um pequeno abanão deste planeta nos coloca no nosso lugar - o de sermos apenas mais uma espécie deste mundo e não o seu dono, há grupos que têm a sorte de viver uma experiência magnífica: jantar sob as estrelas.

Céu azul, noite quente, um cenário que faz o grupo viajar no tempo. Uma visita privada ao Museu Arqueológico, um grupo de Cantares Gregorianos e uma refeição inesquecível.

Eu maravilho-me sempre que tenho a oportunidade de ter um grupo acima, posso apenas imaginar quem vive esta experiência apenas uma vez!

Ah Lisboa!

You Might Also Like: